Especialidades

Psicologia do Sono

 

Consulta do Sono do Bebé e da Criança

 

A Consulta do Sono do Bebé e da Criança assenta numa abordagem holística do problema onde é feita uma avaliação inicial – fatores físicos, emocionais, sociais, de desenvolvimento e ambientais – e é definido um plano de resolução do problema específico, em conjunto com os pais/cuidadores. A Consulta de Sono do Bebé pode ser feita ainda antes do nascimento para preparar os pais e ensinar sobre os ritmos de sono-vigília dos bebés, a importância das rotinas, os hábitos de sono saudáveis e os fatores que contribuem para um ajuste correto do ritmo circadiano. Após o nascimento, pode ser feita assim que os pais sintam essa necessidade e/ou quando surgem desafios ou problemas específicos relacionados com o sono.

A Consulta de Sono da Criança vai ajudar a criança (em conjunto com os pais) a resolver o distúrbio de sono, a ensinar e criar hábitos corretos e assim desenvolver autonomia e segurança na hora de dormir. Algumas das principais queixas e distúrbios assentam na falta de autonomia na hora de dormir, insegurança, medos e ansiedades relacionadas com o sono, resistência em ir para a cama, horários e ritmos desajustados para a idade, uso de tecnologias, despertares noturnos e insónia infantil.

 

Consulta da Insónia (CBT-I)

 

A Consulta da Insónia é direcionada a adolescentes e adultos de todas as idades com queixas de insónia e/ou sono insuficiente ou de fraca qualidade. A abordagem de tratamento é assente na Terapia Cognitiva-Comportamental da Insónia (CBT-I). Esta Terapia utiliza um conjunto de técnicas e estratégias cognitivas e comportamentais que visam identificar e modificar ou corrigir as causas da insónia e os seus fatores de manutenção.

 

Especialista

Maria Serra Brandão

Especialidades

Saúde Integrativa, Preventiva e Regenerativa

 

A consulta de Saúde Integrativa, desenvolvida por Carina Guerreiro, consiste numa abordagem que tem em conta a individualidade de cada ser humano.

 

Na consulta, será realizada uma anamnese o mais completa possível, bem como meios auxiliares de diagnóstico, podendo ser necessária no plano de tratamentos a participação de diversos profissionais de saúde através de tratamentos convencionais, não convencionais e Preventivos.

 

Integrativo, significa o bem estar físico, psicológico (mental e emocional), social, espiritual (sentido para a vida) e ecológico (ambiental).

 

Assim, o paciente tem um papel activo no processo, pelo que será envolvido nas estratégias de melhoria e/ou manutenção do seu estado de saúde. O processo passa pela tomada de auto-consciência, do corpo, mente e espírito, bem como a auto-percepção da sua saúde, pensamentos e emoções.

 

“Aprender a ouvir  os primeiros sintomas do seu corpo antes da manifestação da doença”. Nesta abordagem, os profissionais de saúde têm também um papel fundamental nesta área, instruindo e guiando o paciente.

 

“O delicado equilíbrio de orientar alguém não é criá-lo à sua própria imagem, mas dar-lhe a oportunidade de se criar”-Autor desconhecido.

 

Neste modelo integrativo de saúde, o objetivo não é tratar o sintoma apenas, mas sim identificar a causa do problema, quais os desequilíbrios que podem estar na base da patologia. A doença não aparece apenas subitamente. Existe um carácter dinâmico e evolutivo da saúde e sua degeneração em doença aguda e consequentemente crónica, caso não seja diagnosticada precocemente. A saúde é adaptativa. Assim, apesar de nascermos com um código genético hermético, é a nossa interacção com o meio envolvente que regula a expressão dos diversos genes (Epigenética).

 

Os desequilíbrios do nosso organismo, devem ser investigados ao nível celular. Poluídas por toxinas ou carenciadas em «moléculas da vida», nomeadamente oligoelementos, as nossas células não conseguem assegurar corretamente as suas funções vitais. Assegurar o restauro do «bom funcionamento» das nossas células, nomeadamente pelo aporte de oligoelementos -papel indispensável para detoxificar e restruturar-e de nutrientes essenciais, em boa quantidade. Desta forma, de acordo com a necessidade de cada paciente, desenvolvemos um plano personalizado e integrativo que contempla o uso de terapêuticas variadas (Acupuntura, Ozonoterapia, nutrição funcional) bem como a sugestão de alterações especificas do estilo de vida e dieta, suplementos alimentares, agentes farmacêuticos ou botânicos.

 

De acordo com a resposta do paciente às diferentes intervenções , o plano de tratamento é actualizado de forma dinâmica e faseada.

 

 

 

 

OZONOTERAPIA

 

A Ozonoterapia é a aplicação do ozono para fins clínicos.
O ozono medicinal é sempre uma mistura de ozono e de oxigénio puro. Esta técnica é realizada por um especialista que determina a dosagem adequada, de acordo com a indicação e a condição do paciente.


Benefícios:


· Melhora o metabolismo do oxigénio;
· Modulador imunológico;
· Modulador do stress oxidativo biológico;
· Potente bactericida, fungicida e virucida;
· Potente analgésico e anti-inflamatório;
· Melhora a circulação sanguínea;
· Previne o envelhecimento celular;
· Coadjuvante da terapia oncológica : melhora o estado dos pacientes submetidos a quimioterapia e outros tratamentos oncológicos.
· Pilar da Medicina Preventiva e Anti-Aging;


Formas de administração do ozono médico:


· Administração colo-rectal;
· Auto-Hemoterapia Major – administração por via sanguínea;
· Auto-Hemoterapia Minor – aplicação intra-muscular;
· Injeção intra-articular;
· Aplicação por bolsoterapia: indicado em feridas infetadas como sejam a do pé diabético e úlcera crónica;
· Aplicação intra-discal em hérnias da coluna vertebral;
· Aplicação para-vertebral.


Duração:
● até 30 minutos

 

Tem efeitos secundários ou contra-indicações?
*A Ozonoterapia não tem efeitos secundários descritos, no entanto, não pode ser administrado por via inalatória, nem em doentes com Favismo e Hipertiroidismo não controlado.

 

 

 

 

ONCOLOGIA INTEGRATIVA – CANCER SUPPORTIVE PROGRAM

 

O Cancer Supportive Program, desenvolvido por Carina Guerreiro e a sua equipa, é um programa inovador, multidisciplinar e integrativo para o doente oncológico!

Desenhado para dar apoio a cada uma das pessoas que experienciaram a doença em todas as suas vertentes. O nosso compromisso é oferecermos um plano personalizado e adequado a cada caso / pessoa.

Apoiamos pacientes, cuidadores, familiares e todo o núcleo que possa estar directamente afectado pelo impacto desta doença.

O nosso objectivo consiste em olhar para o cancro não apenas como uma doença mas como uma possibilidade de transformação para um novo estilo de vida.

 

Baseamos o nosso programa nos seguintes objectivos:

 

  • Melhor qualidade de Vida – durante e após os tratamentos

  • Menor impacto dos efeitos adversos dos tratamentos convencionais (quimioterapia e radioterapia)

  • Melhor e maior tolerância aos tratamentos permitindo a continuidade dos mesmos

  • Reduzir o stress, insónias e dor associada

 

Durante a duração do nosso programa pretendemos:

 

  • a mudança de perspectiva e mobilização no sentido de vida

  • aceitação da realidade e adaptação à realidade

  • gestão do stress através de métodos inovadores

  • promoção de novos hábitos

 

Especialista

Carina Guerreiro

Especialidades

Medicina Tradicional Chinesa/Acupunctura Pediátricas

 

Os bebés e crianças são em média, 10 vezes mais sensíveis que os adultos, e como tal as abordagens e técnicas terapêuticas a aplicar devem ser ajustadas e adaptadas, à idade e à sensibilidade.

 

Não são adultos em miniatura, mas adultos em potência com os seus ritmos, reações a estímulos e desenvolvimento próprios.

Os métodos terapêuticos da MTC pediátrica, podem ser aplicados desde a nascença.

 

Com mais de 3000 anos de história, milhares de bebés, crianças e adultos aliviados e com uma componente científica cada vez mais robusta, a Medicina Tradicional Chinesa inclui atualmente 8 métodos principais de tratamento:

 

1 – Fitoterapia chinesa

 

Inclui várias formas de apresentação de plantas, desde xaropes, comprimidos e cápsulas, por exemplo. Para cada idade é adaptada a posologia e estratégias para que se consiga administrar a bebés ou crianças.

 

2 – Acupunctura

 

Existem 9 formas de se aplicar a acupunctura, de se estimular com as agulhas. A acupunctura pediátrica, é adaptada a bebés e crianças e por isso são indolores ou com sensação muito suave e suportável. “Bejinho da borboleta” é um dos nomes frequentemente atribuído a uma das técnicas de acupunctura pediátrica.

 

3 – Tuina ou Tui Na Pediátrica – Massagem Terapêutica Chinesa para Crianças

 

Muito agradável e eficaz, é composta por várias técnicas aplicadas em áreas e pontos específicos. Algumas das técnicas, podem inclusive ser realizadas em casa pelos pais e/ou cuidadores, como forma de prolongar o efeito do tratamento bem como para prevenção.

 

4 – Dietoterapia

 

Aconselhamento alimentar de acordo com os princípios da MTC.

 

Há alimentos que contribuem para o agravamento ou para a melhoria de determinada afeção, por exemplo tosse com expetoração (entre outros sinais e sintomas). Saber quais são esses alimentos, será meio caminho andado para o alívio da condição.

 

5 – Auriculoterapia

 

Tratamento pela aplicação de magnets ou sementes de mostarda em pontos das orelhas com reflexo em órgãos ou áreas do corpo a tratar.

 

6 – Moxabustão

 

Aplicação da planta Artemisia Vulgaris em áreas ou pontos de acupunctura. Em crianças a sua aplicação é adaptada.

 

7 – Ventosaterapia

 

Aplicação de ventosas em pontos de acupunctura ou áreas, tais como peito e costas. Em Pediatria usam-se muito as ventosas de silicone, de sucção com êmbolo ou de vidro.

 

Promove uma melhor irrigação sanguínea na zona, levando a melhor nutrição de cédulas, tecidos e órgãos, ativando e contribuído para a recuperação das suas funções.

 

Contribui para o alívio de calor interno responsável pela densificação de fluidos e aumento de expetoração pegajosa e difícil de eliminar.

 

8 – Práticas físico-energéticas

 

Exercícios integrados de respiração e circulação de energia, e meditação como: Chi Kung e Tai Chi terapêuticos.

 

Dependendo da idade da criança pode, ser sugeridos alguns exercícios simples para fazer em casa.

   

Com o que pode contar numa consulta de Medicina Tradicional Chinesa pediátrica?

 

Duração:

1h sensivelmente

 

Muito importante referir:

– O que tem observado no bebé ou criança

– O que o(a) preocupa e todas as dúvidas que tiver

– O que sente e o que sabe sobre o assunto

Ser-lhe-ão feitas algumas perguntas e será feita a observação e palpação do bebé ou criança.

 

Leve consigo:

– O livro de desenvolvimento do bebé ou criança

– Exames, análises e relatórios caso tenham sido realizados

– Nome de medicação, suplementos, planos alimentares que esteja a seguir

 

Principais afeções em que a MTC Pediátrica demonstrou ter resultados muito positivos, mediante diagnóstico prévio:

 

Respiratórias

Tosse seca ou produtiva

Febre

Constipações frequentes

 

Gastro-intestinais

Prisão de ventre

Diarreia

Alterações do apetite

 

Urinárias

Enurese (alguns tipos)

 

Alterações Comportamentais

Hiperactividade

Alterações do sono

 

Dermatológicas

Afecções na pele

 

Na doença crónica é feito também um diagnóstico personalizado e definidas as estratégias a adotar, sempre que possível em articulação com os cuidados de saúde que a criança já está a seguir.

 

Na MTC Pediátrica consideramos os pais e /ou cuidadores parte integrante da equipa, pois são eles que depois da consulta e a entre consultas vão manter e potencializar os efeitos do tratamento através da aplicação de ténicas sugeridas em consultas e administração do que for prescrito ao nível da fitoterapia e dietoterapia.

 

Seja bem-vindo(a) à nossa equipa!

Especialista

Diana Pinheiro

Especialidades

Naturopatia Ortomolecular com Microscopia de Campo Escuro

 

A Terapêutica Ortomolecular teve a sua origem no Bioquímico e prémio Nobel da Medicina, Linus Pauling.

 

Esta terapia, refere-se ao conceito clínico básico segundo o qual, para prevenção e tratamento de várias patologias, o organismo humano deverá receber substâncias e nutrientes vitais, que está habituado, naturalmente a metabolizar, sendo requeridas e prescritas em quantidades suficientes, para manter a vitalidade e recuperar a saúde.

 

Entre essas moléculas terapêuticas naturais, destacamos: MINERAIS, OLIGOELEMENTOS, ENZIMAS, VITAMINAS, AMINOÁCIDOS E ANTIOXIDANTES.

 

Os tratamentos naturais modernos (Naturalogia), englobam a Terapêutica Ortomolecular, a Fitoterapia e a Imunomodelação.

 

Os atuais Naturopatas, compreenderam da necessidade e da importância de interligar estas três áreas de intervenção terapêutica fundamentais, em função dos quadros clínicos apresentados pelos seus pacientes:

 

    1. Aplicar a Fitoterapia (plantas), para desintoxicar e drenar o organismo, obtendo uma  resposta mais rápida perante os sintomas.
    2. Utilizar substancias naturais imunomodeladoras, para regular o Sistema Imunitário  e “ajudar” o organismo a reagir .
    3. Finalmente, recorrer à Terapia Ortomolecular para nutrir as células e complementar um tratamento natural bem sucedido, eficaz e que perdure no tempo.

 

Microscopia de Campo Escuro

 

Entre as técnicas de avaliação biológica Naturopática, destacamos a Microscopia de Campo Escuro, que consiste numa análise qualitativa de sangue vivo, com ajuda de um microscópio especial e potente, até mil aumentos, para observação direta das células sanguíneas  (glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas), e de componentes do plasma, tais como: proteínas, fibrina, toxinas e cristais .

Deste modo, o Naturopata pode determinar algumas carências nutricionais do organismo, e avaliar biologicamente e diretamente, a capacidade Imunitária do paciente, o nível de oxidação e de toxinas do sangue e a diluição sanguínea.

 

Quais os benefícios da Naturopatia Ortomolecular?

 

    • Avaliar e regular o Sistema Imunitário, prevenindo e auxiliando no tratamento de doenças inflamatórias crónicas, doenças auto-imunes e patologias degenerativas.
    • Avaliar o nível de oxidação e de intoxicação do organismo, procedendo á eliminação de radicais livres e a uma desintoxicação biológica , prevenindo e mantendo a vitalidade e retardando o envelhecimento celular.
    • Avaliar a diluição do sangue e prevenir o risco cardiovascular.
    • Identificar carências nutricionais e proceder à sua correção.

_____

ESPECIALISTA

Miguel Lopes